"Quando eu era criança não tinha disso! E eu não morri!"

💜
terça-feira, 8 de agosto de 2017
A imagem pode conter: texto
"Quando eu era criança não tinha disso! E eu não morri!"

É muito comum ouvir isso hoje em dia, e com relação aos mais variados assuntos: alimentação, criação, cadeirinha no carro.. 

São inúmeros os temas, e poucas pessoas compreendem que ter *sobrevivido* à infância *apesar* de certas coisas não faz delas desnecessárias. Mais forte que isso, é entender que *você* pode ter "sobrevivido", mas e asconsequências que isso tem e teve na sua vida?! E quem não "sobreviveu" tão bem assim, ou não sobreviveu e ponto (caso das cadeirinhas dos carros).

Precisamos compreender que o conhecimento humano evolui, e geralmente essa evolução vem motivada pela necessidade. Ora, se hoje temos cadeirinhas obrigatórias nos carros, com certeza não é por que muitas crianças sobreviveram e estão bem hoje. Da mesma forma, as teorias de criação não vieram sem motivo.. vieram por necessidade, com anos de experiências e estudos, é definitivamente para ajudar e melhorar as pessoas do mundo! 

Laura Gutman diz que precisamos entrar em contato com a criança que fomos. No entato, o desamparo foi tão naturalizado, que encontramos adultos orgulhosos de terem sido crianças sobreviventes à ausência dos pais, mas que quando entram em contato com suas verdades interiores, descobrem um enorme vazio ou uma carência infantil imensurável.

Então vamos entender isso.. as crianças não precisam "sobreviver" a infância para serem "fortes e independentes". Isso é um mito!!
Elas podem acabar se tornando adultos inseguros e carentes.

O que faz um adulto forte e independente é uma infância segura e cheia de amor. A confiança da criança em seus cuidadores é comprovadamente saudável para que a criança cresça com confiança em si. O mesmo vale para a segurança, e o amor e o carinho.

Pense comigo.. se a criança aprende a receber amor e ser tratada com respeito, chances são que ela tratará o outro com amor e respeito. Não é disso que o mundo precisa mais do que tudo?!

Vamos pensar com carinho, repensar discursos do passado, e criar filhos felizes *por causa* de suas infâncias! 💕

#PsiMama
Deixe Seu Comentário
Postar um comentário

Assinatura

Assinatura